Stop Loss, stop gain.

Como forma de se proteger das oscilações do mercado, existe uma ferramenta eficiente chamada Stop Loss. Entenda o que é e como funciona.

O que é Stop Loss?

De forma simples e clara, Stop Loss vem do inglês e significa cessar perdas. É uma ordem de venda que é feita aos ativos que atingirem o preço determinado pelo investidor. Para se proteger de uma queda nos preços, o investidor estipula o valor limite que está disposto a perder.

Sabemos que o mercado de ações é rodeado de muitas incertezas. A ação que você comprou hoje a um preço na esperança de valorização, pode tomar o caminho contrário. 

Por exemplo, você compra uma ação a R$30. Para limitar eventuais perdas, uma ordem Stop Loss de 10% é emitida, ou seja, se o preço da ação for menor que R$27, ela será vendida. Dessa forma, você terá evitado eventuais perdas maiores caso o preço dela continue caindo. 

Vantagens

A principal vantagem é a segurança de que o investidor não irá perder mais do que o preço estipulado. Esta ferramenta é muito interessante para os investidores que não podem acompanhar as oscilações do mercado constantemente ou para os investidores que estão viajando, por exemplo. 

Desvantagens

Apesar do Stop Loss ser uma ferramenta bastante útil, ele não é indicado para investidores que estipulam um nível muito curto para o Stop Loss, pois pequenas oscilações no mercado podem ativar a venda e, com isso, acarretar maiores custos de corretagem e/ou impostos. O ideal é ajustar a ordem de stop a um nível que possibilite que as pequenas oscilações da ação ocorram, mas que ao mesmo tempo previna o máximo de risco possível.

Além de prevenir grandes perdas

Para maximizar os lucros, o Stop Loss pode ser ajustado automaticamente cada vez que o preço da ação aumenta. O Trailing Stop ou Stop Móvel, é um tipo de  Stop Loss. Se o preço da ação aumenta, o limite para o stop loss é ajustado. Assim, quando o preço da ação atingir o novo valor mínimo, ela será vendida, maximizando e protegendo lucros ao investidor.  

Stop Loss & Stop Gain

Com o mesmo conceito, o Stop Gain é uma ordem emitida para que uma ação seja vendida ao atingir um nível de ganho estipulado. Por exemplo, se uma ação foi comprada a R$40 e uma ordem de Stop Gain foi emitida a 10%, quando o preço dessa ação atingir R$44, a ordem de venda será executada, garantindo o lucro ao investidor.

Operar no mercado de forma segura e correta é essencial para a sobrevivência do investidor. O uso de ferramentas como o Stop Loss são importantes para proporcionar certa proteção nas operações de longo prazo, curto prazo e também no Day Trade. Porém, este método não dispensa a disciplina e a constante necessidade de aprimoramento para se tornar cada vez melhor nessa profissão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui